Os primeiros agricultores: havia originalmente dois grupos distintos

Por ND, 15 de novembro de 2017, referindo-se ao artigo de Marion Juglin (15/07/16) para http://decouvertes-archeologiques.blogspot.com.br/

Os primeiros agricultores: havia originalmente dois grupos distintos

O Oriente Médio é provavelmente a primeira região onde a agricultura ocorre há mais de 10.000 anos e especialmente a região onde a "Revolução Neolítica" é a mais conhecida.

Um estudo recente mostrou que os agricultores e criadores neolíticos residentes há 10.000 anos (BP) nas Montanhas Zagros, agora no Irã, formaram um grupo geneticamente distinto dos primeiros criadores pioneiros da Anatólia Ocidental e da Europa. Os cientistas relatam que este grupo de agricultores, desconhecido até agora, teria introduzido a agricultura no sul da Ásia.

Os cientistas que analisaram antigos vestígios humanos encontrados nas Montanhas Zagros relatam que pertenciam a uma população completamente distinta e que, aparentemente, começou a cultivar quase ao mesmo tempo que seus primos mais a oeste na Anatólia, hoje na Turquia.

O povo de Zagros tinha genes muito diferentes, no entanto, dos europeus modernos ou dos seus antepassados agricultores da Anatólia ocidental e da Grécia. As duas populações provavelmente dividiram pelo menos 50 mil anos atrás (BP), logo após os primeiros homens deixarem a África.

Ler em contexto

Ultimas noticias

Algumas noticias recentes sobre a categoria Pre-historia publicadas no site.

Cães com coleiras na pré-história!
23 de novembro de 2017

Cães com coleiras na pré-história!

Nas cenas de caça de dois locais de arte rupestre pré-neolíticos sauditas, dezenas de cães são gravados nas rocas em companhia do homem. Alguns são representados com uma coleira, enquanto outros ficam libres. Introspecções valiosas sobre a relação entre nossos ancestrais e os canídeos antes dos primórdios da agricultura. Em um artigo recentemente publicado no Journal …

Machado de cobre neolítico semelhante ao de Ötzi (Cantão de Zug, Suíça)
3 de outubro de 2017

Machado de cobre neolítico semelhante ao de Ötzi (Cantão de Zug, Suíça)

Em 2008, arqueólogos descobriram a lâmina de um machado de cobre de 5.000 anos em Riedmatt (ZG). As análises mostraram que ela vem do sul da Toscana. A sua forma e método de fabricação são uma reminiscência do machado de Ötzi. Especialistas do Serviço Arqueológico de Zug e da Universidade de Berna …

Um misterioso medalhão pré-histórico descoberto na Grécia poderia reescrever a história da arte grega!

Um misterioso medalhão pré-histórico descoberto na Grécia poderia reescrever a história da arte grega!

9 de novembro de 2017

É uma pedra aparentemente comum, de apenas 3,6 centímetros de comprimento, incorporada em uma camada de pedra calcária, encontrada em Pylos, na Grécia, no túmulo de um guerreiro da Idade do Bronze que remonta a 3500 anos. Entre todos os tesouros descobertos durante a escavação do excepcional túmulo de um príncipe guerreiro, essa pequena pedra finalmente provou ser a peça mais assombrosa de todo o material arqueológico descoberto em este sitio grego.

É somente depois de mais de um ano de pesquisa sobre o material arqueológico encontrado no túmulo que essa pequena pedra preciosa esculpida foi descoberta: uma pedra de ágata, usada para carimbar uma imagem sobre argila ou cera …